Dicas de Leitura

Confusão na fazendinhaconfusão (178x200)

LALAU e LAURABETRIZ – Editora Bamboozinho

Na fazenda, acontece a maior confusão. A vaca foge, a carroça quebra e até o cabrito vai parar no chiqueiro… O que será que provocou tamanha bagunça?

Embarque nesta divertida história para descobrir o motivo de tanta confusão. No APP gratuito, uma surpresa: o som dos animais da fazenda que sai das páginas do livro e a criança se diverte ainda mais com o barulho da bicharada.

Conto

baleia (200x200)Baleia Keelut

ZAGO, Rosaria– Editora Callis

A baleia Keelut adorava nadar e brincar com seus amigos polares, mas um dia apareceu um baleeiro disposto a caçá-la. Repleto de ilustrações de adorável simplicidade, o livro enche os olhos dos pequenos de imediato.

Mas não para por aí; a história ainda apresenta às crianças um assunto bem atual. Baleia Keelut aborda de forma fácil e lúdica o tema da preservação dos animais, além de mostrar os perigos da caça predatória – prática que ainda ocorre hoje em dia.

Para divertir e conscientizar.

Meio ambiente – Animais marinhos

Titus e as galinhastitus (200x199)

MACEDO, Aurélio de – Editora Kapulana

Titus é um menino muito curioso que morava em uma cidade grande. Quando sua família se muda para uma cidade do interior, Titus surpreende-se todos os dias com as novidades: animais, plantas e comidas.

Acompanhe, nesta edição bilíngue, as aventuras de Titus, um menino observador que nos mostra as diferenças entre dois mundos, tão próximos e, ao mesmo tempo, tão diferentes!

Diferenças

tiete (142x200)Ai de ti, Tietê

BARBOSA, Rogério Andrade – Editora DCL

Um grupo de alunos reúne-se para realizar uma pesquisa escolar sobre o Rio Tietê. O que antes parecia uma atividade pouco interessante torna-se uma descoberta deslumbrante, na qual passado, presente e futuro se mesclam, projetando um universo absolutamente realístico, mas não menos romântico.

A fluidez do texto e a originalidade das ilustrações, aliadas a uma criteriosa pesquisa iconográfica, vão levar os jovens leitores a se aventurar nas águas do Rio Tietê.

Rio Tietê

Novos casos do detetive Bolotinhabolotinha (138x200)

KALUNGA – Editora Paulinas

O detetive Bolotinha volta a resolver novos casos pelo Brasil afora. Desta vez ele resolve casos como a Gangue do chulé, o Mistério dos cinco violões, e outros.

Acompanhe o detetive Bolotinha nessas aventuras e surpreenda-se com a sua esperteza e habilidade em resolver casos muito suspeitos. Além disso, você verá que conflitos fazem parte da vida e, quando superados, ajudam a crescer.

Mistério – Romance policial

orelhas (196x200)Orelhas de mariposa

AGUIAR, Luisa, NEVES, André – Editora Callis

Mara tem orelhas de abano. Ou seriam de mariposa? Mara usa meia furada. Ou será que ela tem um dedo curioso? Essa história mostra de forma delicada e bem-humorada que as qualidades ou os defeitos das pessoas podem ser enxergados de diferentes formas, dependendo somente do ponto de vista.

Conto – Diferenças

Um escritor na capelacapela (140x200)

CRUZ, Nelson – Editora SM

Em 1936, durante o regime de Getúlio Vargas, Graciliano Ramos é preso sem acusação formal, processo ou interrogatório e passará quase um ano em prisões do Rio de Janeiro. Baseado em Memórias do cárcere, obra de teor memorialístico, esse novo livro de Nelson Cruz revisita a fase final de confinamento do escritor alagoano na Casa de Correção, quando ele ficou preso junto a outras personalidades como o humorista Barão de Itararé, a comunista Olga Benário, mulher de Luís Prestes, e a psiquiatra Nise da Silveira.

Em imagens de cunho expressionista e por meio de um relato rigoroso em terceira pessoa, Nelson Cruz recria as dores e vivências angustiantes de Graciliano nesse período, assim como mostra sua força criativa e perseverança na escrita mesmo nas condições mais adversas.

História do Brasil – Ditadura militar

livros (200x200)Os livros não foram sempre assim

GLASMAN, Gabriel, LOTERSZTAIN – Editora Callis

Hoje você tem um livro em mãos graças ao papel, inventado pelos chineses, encadernação, que nasceu no Império Romano, e imprensa de Gutenberg. No caminho, também houve livros de argila, pessoas que os escreveram à mão um por um, tintas feitas com ouro e prata, páginas envenenadas e muito mais.

Prepare-se para descobrir por que os livros não foram sempre assim.

Livros – Leitura e Curiosidades

Como soucomosou (200x200)

MELLO, Thiago de – Editora Global

Como Sou reúne poemas selecionados para o público jovem e que foram escritos ao longo da vida do autor. A luta política, o lirismo, as relações de família, os amores são facetas da obra de Thiago de Mello representadas nesta seleção.

‘Na antologia Como Sou eu realmente me vejo’, diz o Autor, e o leitor tem oportunidade de descobrir ou redescobrir o poeta sofisticado no construir e simples no dizer.

Poesia brasileira

neve (148x200)Neve na primavera

JIO, Sara – Editora Novo Conceito

‘Seattle, 1933. Vera Ray dá um beijo no pequeno Daniel e, mesmo contrariada, sai para trabalhar. Ela odeia o turno da noite, mas o emprego de camareira no hotel garante o sustento de seu filho. Na manhã seguinte, o dia 2 de maio, uma nevasca desaba sobre a cidade. Vera se apressa para chegar em casa antes de Daniel acordar, mas encontra vazia a cama do menino. O ursinho de pelúcia está jogado na rua, esquecido sobre a neve.

Na Seattle do nosso tempo, a repórter Claire Aldridge é despertada por uma tempestade de neve fora de época. O dia é 2 de maio. Designada para escrever sobre esse fenômeno, que acontece pela segunda vez em setenta anos, Claire se interessa pelo caso do desaparecimento de Daniel Ray, que permanece sem solução, e promete a si mesma chegar à verdade.

Ela descobrirá, também, que está mais próxima de Vera do que imaginava.’

Romance – Ficcão

Raízes errantesraizes (141x200)

MALDONADO, Mauro – Edições SESC

Raízes errantes constitui um poderoso antídoto contra a celeridade dos tempos modernos. Trata-se – segundo o filósofo Edgar Morin, que introduz o leitor à obra por meio de um prefácio alentado e luminoso – de um ‘diário poético-reflexivo de viagens por entre ideias, paixões, pesquisas, cujas passagens desde logo revelam os traços intelectuais de um estudioso temperado ao fogo de uma longa experiência clínica e de uma paixão aguçada pela insatisfação com todo fechamento e rigidez do pensamento’.

A obra é organizada em torno de três temas básicos – errâncias, fronteiras e incertezas – que se espraiam por outros assuntos correlatos e explodem em uma miríade de interrogações filosóficas e poéticas, dispostas a conduzir o leitor pela tão antiga e ao mesmo tempo ainda tão fascinante aventura do pensamento humano.

Ensaios – Filosofia

Solange Braga – Bibliotecária

 

 

Assine nossa newsletter