Mapas Mentais – 2ª Série

Que tal mapear as ideias?

O suor nas mãos. O frio na barriga. A ansiedade. A pressão. O tempo. O estudo de anos. O vestibular. O futuro. Tudo isso junto! E uma proposta de redação que exige a elaboração de uma narrativa com base em uma cena do cotidiano, mas, detalhe, com 7 personagens e a condição de cada um ter um ponto de vista diferente. 

Sim, isso aconteceu e foi no vestibular de 2014 da Puccamp. Mas esse não é o foco. O mais importante é como resolver uma situação como essa. Para tal, o procedimento de elaborar Mapas Mentais contribui bastante, já que é uma maneira de colocar em ordem as imposições e aspectos solicitados aliados às ideias do candidato. No caso de construir uma narrativa com 7 personagens com vez e voz distintos sob a pressão de um vestibular, talvez possa ajudar mais a sair da estagnação que um simples rascunho.

Sim, é uma proposta desafiadora e exigente. Porém não é uma situação impossível a estudantes que obviamente estejam preparados e que saibam organizar as ideias frente às condições impostas. Assim, dentro do Laboratório de Produção de Texto – após estudar o gênero conto em seus diversos tipos – e numa aula integrada junto com a professora Andrea de Produção Informatizada, os alunos puderam aprender a usar o mapa mental para conseguir dar o pontapé inicial na composição de uma redação trabalhosa como a citada acima.

Teoria e prática comprovaram a utilidade da ferramenta, como puderam experimentar os estudantes apresentados a um modelo e instigados a produzir seus próprios mapas.

 

Paulo Roberto Laubé
Professor de Produção de Texto

Assine nossa newsletter