fbpx

A magia das pontas

Sem dúvida, a primeira sapatilha de ponta é inesquecível! Posso afirmar isto, pois lembro-me, como se fosse ontem, da minha primeira aula com “elas”!

Esta lembrança ficou ainda mais evidente em minha memória, pois minhas alunas do Clássico IV demonstraram a mesma sensação que senti a anos atrás… uma mistura de ansiedade e encantamento, fazendo com que este dia parecesse um capítulo de um conto de fadas.

A aula foi marcada por enormes sorrisos, olhos brilhantes, muita expectativa e atenção. Antes de subir nas pontas, as alunas escutaram sobre a história do surgimento das sapatilhas de ponta, aprenderam a amarrá-las corretamente e, finalmente, puderam sentir como é subir nas pontas dos pés… A sensação que tive foi como se elas estivessem no degrau mais alto do pódio, erguendo o troféu por anos de dedicação e esforço.

Vejam as fotos deste momento mágico.

 

        Thaynã Bóer

Professora de Ballet Clássico

 

Assine nossa newsletter